Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2013

Certo alguém

Então tenho pensando muito, fico lembrando da primeira vez que te vi, do que chamou minha atenção. Nem estava querendo me apaixonar, mas fui rendido. E devido as bagagens de outras aventuras, já havia me preparado para passar por isso. Mas lhe agradeço, momento algum me iludiu, as cicatrizes que levo no peito, seriam evitadas, se todos fossem como você. Queria te acolher, sarar as feridas - se é que há - e libertar tuas agonias. Ser sua escolha, era meu desejo. Porém nem sempre é possível realizar nossos planos, ainda mais se não forem os mesmos escritos pelo destino. E o tempo vai passando, e ele jogará ao meu favor, resolverá a tristeza, vai curar e ajudará a esquecer, mais uma vez. Mas deixo claro, que torço demais por ti, mesmo de longe. Desejo que você não tenha medo dos sonhos bobos e que vá atrás de seus objetivos, que tenha coragem de ouvir seu coração. Só quero que seja feliz, assim como me faz feliz, ao dar a honra de conhecer alguém como ti, independente do que possa oferec…

Amores e Desamores

Meu primeiro amor foi logo no pré-primário, quando tinha uns cinco anos. A pessoa, seis. Adorava aquele sorriso banguela, porém não era correspondido, essa pessoa gostava de uma outra da classe. E assim foi meu primeiro coração partido... Depois muitos amores vieram. E desamores também, afinal a vida é assim. A busca pela sua metade, sua tampa da panela, a tal alma gêmea, seu complemento de alma... Sim, é tudo clichê, entretanto é tudo a mais pura verdade. Todos e todas, andam nessa procura. Eu confesso, que muitas das vezes parece que não sei lidar com esse tal de amor, parece que nunca acerto, entretanto continuo esperando, até porque, tenho certeza, o amor acontece na hora que tem que acontecer. No momento certo, nada impedirá a felicidade. Pois depois de tantos desamores, de tantas pessoas erradas no caminho, a certa vai aparecer. É só acreditar!