Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2010

Em meio à folia... a solidão!

Como entender tal sentimento que parece nos perseguir aonde vamos?Em pleno carnaval percebo que minha situação é pior do que pensava. No meio da música, da muvuca, dos diversos casais se beijando; você não saía do meu pensamento. Mesmo sabendo que vive sem nem saber que existo. Imaginei que você seria aquele que causaria o frio em minha barriga a cada encontro, me deixaria na expectativa de um telefonema, de uma mensagem, me faria sonhar e planejar um futuro. Mas não, você me olhou, não estendeu a mão e a mim só causou a solidão. Hoje choro em plena folia, olhando o mar que parece estar dividindo nossas vidas e as ondas o levam cada vez mais distante de mim. Aceitaria de você a mais falsa esperança que pudesse dar, pois prefiro te ter por um instante do que nunca ter nem sentido o seu verdadeiro abraço. Mas enfim, não sei se a dor vai durar, entretanto tenho consciência que desisto de você. Não agüento mais sofrer, buscar em outros seus traços perfeitos e os lábios que sonhei. Aprendi…

Esperança

Muitos de nós já ficamos na espera de um sim, um sorriso, já torcemos pra encontrar "sem querer", já rezamos pra sonhar... Estamos sempre na esperança de a tal pessoa certa cruzar nosso caminho. Mas será que ela existe???

Sei que ficamos na expectativa do telefonema, de um sms, mas nunca sabemos o que esperar do outro. Já cheguei a conclusão que não há dor sem ganho, ou seja, aprendi muito com todos os relacionamentos que não deram certo e apesar da dor não me arrependo de nenhum deles.

Mas minha ansiosa nervosa, em viver um verdadeiro amor, me deixa assim, a flor de pele, na esperança de encontrar o ser amado na padaria, na praça de alimentação, no ônibus... enfim! Minha transparência e emoção deixam tudo amostra. As lágrimas são grandes companheiras. Não disfarço igual aquela que por fora quer demonstrar estar bem solteira, mas por dentro se corroi toda.

O vúneravel está aí. Ficar, amasso, sexo... todos querem. Mas as juras de amor, o cineminha, ouvir música agarradinho. Há …

AMOR & ÓDIO

Estive pensando em como inconscientemente esperamos um sinal da pessoa amada, sinal que só nós queremos ver. É uma ligação que não vem, ficamos on line no msn, sutilmente esperando. Na maioria das vezes, sabemos que essa espera é inútil. Tantas pessoas a nossa volta, tantas vidas acontecendo e queremos só um oi, um eu te amo ou te espero daquela pessoa, ela estando aqui, em outra cidade ou em outro estado. Assim repentinamente, o coração dá um insight, decidimos esquecer e até passamos a odiar o outro. Porém semanas atrás, disseram que o ódio ainda é uma continuação de amor e hoje vejo que é verdade (quem diria, eu concordando com o Rafael), pois continuamos a procurar, a "esperar" em vão o ser amado, afinal quando esquecemos - como disse o Rafael - a pessoa torna-se indiferente, querendo ou não. Ou seja, todo esse post é pra dizer isso, até quando a nossa necessidade de estarmos apaixonados, ou só atraídos, ou até mesmo ficando; todos nós queremos estar com alguém (mesmo nã…

Primas

Imagem
Nesseúltimo fim de semana, pude perceber que a vida realmente é feitas de momentos em que somos felizes. Graças a vocês, pude ver e vivenciar isso. Cada um de nós com sua interna tristeza, mas juntos tivemos ótimos momentos. Nossa noite na Gregos e Troianos foi perfeita, o passeio no shopping. Nossas danças, risadas, conversas e até nossos foras um no outro. Cada momento nosso foi inesquecível. Foi ótimo, pois isso me fez olhar pra frente e ver que sempre terei minhas primas e amigas pra me proporcionar ótimos momentos.
JU, TATI E DI AMO MUITO VOCÊS!!!!