Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2010

Insegurança

Depois de tantos roteiros bons e ruins, o medo volta a assombrar minha vida.
Sinto que há cada dia mais me envolvo por você, a vontade é de logo me atirar em seus braços. Mas sinto que seu coração é um campo fechado e que não será tão fácil deburrar esse muro de Berlim.
Por que tem que ser difícil assim, minha mente reflete em frações de segundos, tenta achar o que fazer pra conquistar você. Que atitudes tenho que ter, que papo vai lhe agradar, que pessoa terei que ser e você, nem um sinal, nem uma dica sequer deixa escapar.
Essa insegurança não sai do pensamento, o coração bate impreterivelmente e as lágrimas jorram como cachoeira. O medo de me apaixonar, de ficar tão vunerável a você e, mais uma vez, acabar na ilusão.
Como disse, terei que ficar a mercê do tempo. Ver no que vai dar, eu que sempre fui tão ansioso, e já quis ter o mundo em minhas mãos. Entretanto aqui estarei esperando o destino seu veredito dar. Amar você ou não amar, eis a questão!?

Abra o seu coração de vez
E deixe logo…

Dia Comum

Até quando ficar sentado esperando a felicidade valerá a pena?! Pelo visto, ela não baterá na porta. Mas vale a pena ir buscá-la?! Se sim, aonde é vendida? Onde pode ser adquirida? Esses questionamentos só têm importância quando começamos a crescer, na faixa dos 14, 15 anos. Com o amadurecimento, não de idade e sim de maturidade, passamos a perceber que a felicidade completa não existe. Teremos aquele dia que a euforia será cem por cento, estaremos plenamente feliz. Entretanto também terá o dia comum, sem tanto destaque, que com o pensamento que tenho hoje, vejo que também é necessário algumas vezes. Trabalho, família, amor, amigos em algum momento da estrada, algo saíra do percurso e a tristeza, claro, se instalará. Depende de cada um a convivência com ela. Aliás felicidade e tristeza, andam lado a lado, talvez até de mãos dadas. E devemos admitir, que ambas são partes da vida. Pois num dia comum, não é somente coisas boas que acontecem nesse Brasil que vivemos. Então assumimos também…

Tolice

Queria entender porque esse tal de amor é tão complicado.Tudo que quero é alguém que me ame, me complete e me faça feliz. E parece que encontrei, ou melhor, parecia. Aquele que iria me dar o devido valor, mas o meu burro coração cometeu a tolice de não se apaixonar, de não amar esse dito cujo. Vai entender!Seria tão fácil, se pudéssemos escolher gostar de gostar. Fica essa briga de razão x coração em minha vida. Sou uma pessoa tão racional, mas que deseja amar com coração. Não consigo investir numa história, sem gostar, sem ter sentimento. O amor vem com o tempo? Pode até ser, mas nunca dei tempo pra provar isso. Sou transparente, verdadeiro, namorar alguém é estar amando. Queria mudar isso, pois assim só quem sofre sou eu. Tolice minha esperar o tal discurso do amar e ser amado. A cada dia mais vejo que isso não existe, sempre terá um que amará mais que o outro. Sempre terá aquele que como eu, cometerá a tolice de deixar – talvez – a tal pessoa certa ir embora, justificando que é o s…

Dica de um velho sábio

Ela sentou na esquina, esperando seu verdadeiro amor chegar. Assistia a todos passar, com o olhar apurado e o sensor de crítica ligado. Via através de cada olhar todas as qualidades e defeitos, pelo menos assim pensava ela. Há cada aproximação, um novo papo sobre gestos, gostos, ídolos, cores, tudo isso ela questionava. Aquele dito de que os opostos se atraem, para ela era mentira. Jamais queria alguém com preferências tão opostas a dela. E todo aquele descontraído papo, que era de aproximação, vira quase uma entrevista coletiva. A setença final sempre era a mesma. Alguns candidatos ao cargo de amor, até passavam nessa parte oral, mas na prática do dia a dia, duravam apenas dias, semanas, meses. Logo ela tinha mais uma desilusão. Depois de mais uma dor, mais uma cicatriz para carregar consigo, ela iniciava novamente o roteiro chamado de vida, de busca. Até que depois de tantos anos, ela sentada como sempre esperando o verdadeiro amor finalmente chegar, um sábio lhe encontrou e falou …

ESCOLHAS

Nos últimos dias tenho repetido a mim mesmo a frase: Tudo começa com uma escolha... E começa mesmo. Há todo momento escolhemos algo. Sabemos que o amor acontece, não escolhemos quem amar, mas escolhemos sim lutar ou não por esse amor. Fazer o possível e o impossível por ele. Até quando nos causa dor, escolhemos como será. Ficar-se-emos nos martirizando em cima de uma cama, comendo chocolate e ouvindo a “nossa música”. Ou se ergueremos a cabeça e iremos em frente, afinal como dizem “a fila anda”. Escolhemos dizer tal coisa, tomar atitudes. Enfim temos o poder de escolha em nossas mãos e cabe a nós saber utilizá-lo. Aliás, a escolha é nossa arma desde que somos crianças. Conforme vamos crescendo elas surgem. Já passamos a dizer o que queremos ganhar, anos mais tarde, começamos a dizer que profissão iremos querer ser. E onde iremos comemorar nosso aniversário, aonde será a balada do dia e assim vai. Se nossas escolhas serão certas ou erradas, só o destino dirá. Mas o que é fato que ao es…

Tati

Imagem
Uma doce menina, uma nova mulher. Com um olhar encantador e com esse jeitinho meigo conquista a todos em volta e comigo não podia ser diferente. Determinada, apesar da ideia sabe o que quer. Inteligente, amiga, linda, são diversas qualidades... Há ela desejo muita saúde, amor, um caminho repleto de vitórias e com bençãos do Senhor. Muito sucesso em tudo que vier a fazer. Desejo a minha tão amada e querida prima, Tati, o que há de melhor nesse mundo. Faço esse desejo todos os dias e hoje, mais especial ainda, pois é seu aniversário, foi o dia em que ela veio ao mundo para nos fazer mais e mais felizes!!! Tati... FELIZ ANIVERSÁRIO!!!!! Amo você =P