Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2011

Porquês

Parece que foi ontem que eu tinha noites tranquilas de sono. Que não ficava horas ao lado do telefone, esperando ele tocar. Que os dias arrastavam-se e eu ainda reclamava de não ter feito nada. Na minha adolescência meu sorriso era mais firme, hoje as batidas do meu coração são instáveis. Ser adulto é se deparar com dúvidas, com dores. Sinto saudade da pessoa que eu era. Não tinha medo, confiava mais em mim mesmo. Saudade da época que a preocupação era em passar na prova de matemática. Para alguns como diria Carlos Drummond de Andrade: "a dor é inevitável, mas o sofrimento é opcional". Não concordo - apesar de amar Drummond - não é uma questão de condição. A vida é feita de escolhas sim. Posso escolher se vou comer no Mc Donald's ou no Bob's. Qual programa de TV quero assistir. Escolho um sabor de sorvete. Posso escolher se prefiro a Sandy ou a Wanessa Camargo. Claudia Leitte ou Ivete Sangalo. Entretanto não escolho gostar de alguém, então não escolho "não sofrer…

Passado... Presente... Futuro...

Hoje mais uma vez estou a pensar nos dores que já passei, nas histórias que já vivi. E sabe por quê? Porque me dei conta, que vira e mexe, meu passado, retoma ao presente. A partir desse mês decidi, não quero mais revirar o que passou. Não quero tentar histórias que já sei o final. Se é para sofrer, para me magoar, que sejam com novas pessoas. Que venham outras aventuras. É até burrice, se não deu certo, por que tentar de novo né?! Não sei o que o futuro me reservar - e é até bom nem saber - sou inseguro. Mas já acredito que existe alguém especial a me espera, só não conheci ainda. Voltei a crer que o amor também é pra mim. Hoje minhas relações furadas são como um táxi, ou seja, me guiam a um lugar certo. Experiências para não errar mais tarde. Agora vivo o presente, não quero mais voltar as páginas do passado e não quero prever o que o futuro terá. Vivendo tudo ao seu tempo, mas sempre intensamente, como devidamente sou. Se é pra errar, que seja de alma limpa. Se for pra ser, será de …