Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2010

Sen.ti.men.to

A vida é imprevisível. Diversas vezes já sofri por amor, porém sempre aparece um novo alguém pra me fazer sorrir (ou pelo menos tentar) nas horas difíceis. Nesse momento não foi diferente, apareceu quem eu menos esperava. Conheci a incrível pessoa que é, que me desperta as melhores sensações possíveis e diferentes. Por todo caminho percorrido, não acredito mais em coisas eternas, mas sei que será bom, enquanto estivermos juntos. Não é amor, nem paixão, mas também é mais que atração. O que sinto é carinho, respeito, enfim é bom estar com você e sentir o tremor na pele ao falar contigo. Seria bom se pudesse saber se também se sente assim. “Você me faz bem quando chega perto com esse seu sorriso aberto” (Tudo certo – Luiza Possi)

Insônia

Não acredito em coincidências, tudo está predestinado. E não foi por acaso que naquela madrugada fria, eu que levantaria as seis da manhã, estava sem sono, uma insônia tamanha, que não passava nem contando carneirinhos, nem rolando de um lado para o outro. O que tinha então para me distrair? Internet. Quem encontro on line? Você, que apesar de nem me conhecer direito, me disse as coisas que eu queria ouvir, pareceu ser a pessoa que sempre esperei e que está até disposto a me dar o carinho e atenção que tanto desejei. Se vai dar certo, se rolará só o destino poderá dizer, mas estou com a porta do meu coração aberta, esperando tudo que está reservado a nós e que com certeza será bem vindo.
Chega ser difícil até de contar,
quantas noites em claro eu não dormi.
Tive medo de nunca encontrar,
Tirei a sorte grande, quando eu te conheci.
{Catch Side - Certos Detalhes}

Poema especial

Imagem
Ontem, no seminário "Leitura e Ação", um poema de Martha Medeiros me tocou demais e significou muito para mim nesse momento, e vou dividir aqui com vocês.
Te amei e amei minha fantasia amei de novo e amei a nossa estreia amei meu próprio amor e amei tua audácia te amei muito e pouco e comovidamente amei tua história construída, os ritos e os porquês te amei no invisível e no inaudível amei no crível e no incrível amei ser dona e te amei freguês te amei e amei a farsa arquitetada amei nosso caso e a nossa casa amei a mim, amei a ti, parti-me ao meio te amei no profundo, no raso e com atraso não era tua hora, não era minha vez. (Martha Medeiros)


Sensação

Hoje nos encontramos, conversamos um pouco. Eu tinha me esquecido de como você me fazia sentir. Faz eu rir, sinto o coração palpitando duas vezes mais rápido e não consigo manter as mãos quietas. Não estou voltando atrás, não é amor, nem paixão, é apenas uma sensação que desperta em mim e que me faz enxergar que não devo me arrepender - como eu estou fazendo - em ter te amado um dia. Você é imaturo sim, me deixou feridas, entretanto me proporcionou bons momentos, boas histórias, que hoje fazem parte de minha memória. Ao te ver encontrei aquele mesmo olhar amigo que me fez te desejar tanto, aliás essa mesma sensação me persegue, pois volta quando vasculho suas lembranças, como a embalagem do bombom - ainda guardada - o DVD do Pedro Mariano gravado. Conheço a ti tão bem que sei que esta com problemas, que nem dividiu comigo, será que faz parte das coisas que não precisam ser ditas?! Confesso que seu abraço me fazia - e talvez continue fazendo - falta, pensei tanto em te dizer isso, não …

Roteiro

Cada vez mais é difícil ver que os contos de fadas não existem. Na vida real o felizes para sempre é apenas uma lenda. Ninguém vive mais com a cabeça nas nuvens, tem que amar com os pés no chão, para não sofrer tanto quando o castelo desmoronar, afinal os relacionamentos não suportam os diversos feitiços e armações, porém aqui no mundo real o grande vilão é o destino. Pois através dele, em uma provável situação conhecemos a “pessoa ideal”, com ela começamos o conhecido roteiro: momentos bons e descobrimos o sabor de sorvete preferido. Música especial, a cor que gosta e os medos e sonhos que tem. A tal pessoa incrível que nos fará ouvir sinos e proporcionará o final feliz sonhado, como nos filmes, peças, novelas e textos que lemos. Vivenciamos histórias, surpreendemos com as atitudes. Acreditamos ser a exceção no mundo. Até que chega o dia, em que se percebe que tudo foi um truque. Despertamos e percebemos que foi mais uma ilusão. Mais uma desilusão amorosa para o diário. O cavalo bra…