Poema especial

Ontem, no seminário "Leitura e Ação", um poema de Martha Medeiros me tocou demais e significou muito para mim nesse momento, e vou dividir aqui com vocês.

Te amei e amei minha fantasia
amei de novo e amei a nossa estreia
amei meu próprio amor e amei tua audácia
te amei muito e pouco e comovidamente
amei tua história construída, os ritos e os porquês
te amei no invisível e no inaudível
amei no crível e no incrível
amei ser dona e te amei freguês
te amei e amei a farsa arquitetada
amei nosso caso e a nossa casa
amei a mim, amei a ti, parti-me ao meio
te amei no profundo, no raso e com atraso
não era tua hora, não era minha vez.
(Martha Medeiros)



Comentários

Tayane Scott disse…
AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA COMO ASSIM VOCÊ CONHECEU A MARTHA MEDEIROS??? Poutz ela é uma das minhas fontes de inspiração. O Doidas e Santas é meu livro de cabeçeira. Morri de inveja de vc agr sério rs Affe que sorte. Dá proxima vez pega pelo menos um autógrafo dela para sua amiga blogueira aqui vai vai vai? *-*
E eu amei o poema...E fiquei muito feliz por vc ter conhecido minha amiga Martinha...KKKK
Até parece. Feliz mesmo primo.
Mais vitórias estão por vir...aguarde.
thaina disse…
Amigo, que lindo poema!!!
Vc é uma inspiração...

Onde foi essa foto???

Beijoks ♥

Postagens mais visitadas deste blog

Milhões de vezes

As coisas que nunca te disse

Eu amei te ver