Sensação

Hoje nos encontramos, conversamos um pouco. Eu tinha me esquecido de como você me fazia sentir. Faz eu rir, sinto o coração palpitando duas vezes mais rápido e não consigo manter as mãos quietas. Não estou voltando atrás, não é amor, nem paixão, é apenas uma sensação que desperta em mim e que me faz enxergar que não devo me arrepender - como eu estou fazendo - em ter te amado um dia. Você é imaturo sim, me deixou feridas, entretanto me proporcionou bons momentos, boas histórias, que hoje fazem parte de minha memória. Ao te ver encontrei aquele mesmo olhar amigo que me fez te desejar tanto, aliás essa mesma sensação me persegue, pois volta quando vasculho suas lembranças, como a embalagem do bombom - ainda guardada - o DVD do Pedro Mariano gravado. Conheço a ti tão bem que sei que esta com problemas, que nem dividiu comigo, será que faz parte das coisas que não precisam ser ditas?!
Confesso que seu abraço me fazia - e talvez continue fazendo - falta, pensei tanto em te dizer isso, não só isso, mas todo esse texto. Cheguei a pegar no telefone diversas vezes, mas o medo, a insegurança ou a sensatez me impediu de discar os números, que - acredite - ainda sei de cor. Aliás ainda há tantas coisas pendentes a serem ditas, mas que hoje já não tem importância.
Admiro você, gosto de conversar contigo, a confiança realmente não é a mesma de antes e nem sei se devia ser, pois os seus lapsos de memória ainda me trazem péssimas recordações. Mas nada que o tempo não resolva, afinal tanta coisa mudou, exceto a sensação que ainda desperta em mim.

"Eu já encontrei, já sorri, já entreguei meu coração. Mas já perdi, eu já chorei, eu já sofri por desilusão". {Pedro Mariano - Grande Amor}

Comentários

thaina disse…
Tá apaixonado é???
hehehe
Beijoks ♥
Tayane Scott disse…
Por mais que a paixão tenha passado, as boas lembranças merecem ficar. O melhor lugar do mundo pode não ser mais o de sempre, mas ainda é seu e ainda será o abraço, o riso, o gosto daquela pessoa. Ainda que a paixão se apague não há como não se sentir bem perto daquele que um dia tanto nos fez bem. Não há mal nisso, não há mal nenhum

Postagens mais visitadas deste blog

Milhões de vezes

As coisas que nunca te disse

Eu amei te ver