Companhia

Em mais uma manhã de inverno, a solidão bate em minha porta, porém ela entra antes mesmo que eu permita sua visita, que, aliás, torna-se cada vez mais constante. Na verdade essa tal companheira resolveu ser presença garantida, em quase todos os meus momentos. Mesmo quando estou entre amigos, conheço alguém, curto o momento, beijo ou abraço alguém, basta olhar para o meu lado. Chegou a um ponto que ela já nem dói, nem me faz mais ficar com o olhar tão triste. Ela só me faz pensar e deixa-me com uma pergunta, de até quando ela me acompanhará?! Por mais um dia, um mês, um ano ou até mesmo um século?! Vejo que a solidão é minha fiel companheira, pois depois de horas de balada, de um incrível jantar, um bom papo e até mesmo de um momento íntimo de prazer; é somente ela que está em meu quarto comigo, acompanhando todos os meus pensamentos. E todos os dias é a mesma duvida que “martela” em minha mente, até quando a solidão estará comigo?!

"O tempo passa e com ele passa a dor. Pois tudo passa até o amor. Na companhia de um bom livro e um violão. Vou vivendo com a minha solidão" {Marjorie Estiano - Tudo Passa}

Comentários

Só nos acompanha quando a gente deseja... Se você não desejar pensar na solidão, ela não atenderá ao seu chamado...
Pense nisso.

Postagens mais visitadas deste blog

Sou de gêmeos

Está demorando eu te esquecer

Antes do fim