Depois Cura


Jurei que nunca mais iria chorar por alguém, mas aqui estou novamente no chão desse quarto derramando todas as lágrimas que ainda me restam. Em meio a tantos problemas que venho enfrentando, acreditei que veio como uma solução, uma válvula de escape, entretanto já está indo, como um forte temporal, que vem e faz estragos em apenas minutos e se vai. 
Está doendo, e é tão ruim. Nem deu tempo de aprender todos os seus costumes, descobrir seus sonhos, de você só levo o nome na lembrança. Mas sei que depois cura, será mais uma ferida que o fadado tempo vai tratar de cicatrizar. 
Acho que o pior é me sentir impotente, como se eu não tivesse feito nada pra reverter essa situação, já te queria tanto. Pra em questões de minutos e por um simples frase tudo se esvair. 
O seu adeus deixou um buraco em meu peito, mas foi um aprendizado. Finalmente percebi o quanto é importante pensar antes de agir. Hoje percebi que tudo pode ser usado contra a gente sim, todas nossas atitudes. Ainda dói enquanto escrevo, pode ser tão premeditado mais sofro, mas vai passar, vai curar. Por hora continuo aqui, atendendo as ligações, me explicando se for preciso e, mais que isso, disposto a tentar. E se acaso perceber que foi em vão, vou virar as costas e seguir. Desejo somente que seja feliz e hei de ser feliz também. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Milhões de vezes

As coisas que nunca te disse

Eu amei te ver