Escolho Você

É tão contraditório te querer tão bem, desejar tanto você, quando a única coisa que sei ao seu respeito é o nome. Não ter conhecimento dos seus gostos, qualidades e jeitos não me causam medo. Ao contrário, estou tão disponível a descobrir. Quero segurar sua mão, te proteger nos dias de chuva, lhe acalmar quando tiver um sonho ruim. Desejo te contar as boas do meu dia, lhe surpreender com minhas palavras. Sinto uma enorme vontade de ouvir sua voz, de admirar seu sorriso e de estar ao seu lado. Contigo sinto que a dona tristeza nem vai ousar em chegar. Quero te fazer feliz, lhe dar tudo que procura em alguém. Sei que pode ser premeditado, duvidoso e que dá medo, mas só preciso de uma chance. Quero ser a diferença em sua vida, por isso me atiro sem medo e sem proteção no sim. Quero pagar esse preço, melhor que ficar na dúvida. Se for mais um falso amor, saberei que ao menos eu tentei. Quero fechar meus olhos e te seguir. Mesmo sabendo, que às vezes o bem estar pode ser passageiro, mas preciso de ti. Vejo seus olhos em meus sonhos, seu jeito tímido me instiga a desvendar seus mistérios. 
Escolho você mesmo com seu jeito complicado, com seus defeitos e derivados. 
Escolho você mesmo não sabendo o que posso esperar, porque a vida é curta e só a vivemos uma vez. 
Escolho você pela beleza que tens, por todos os dias ter vontade de te ver, descobrir seus segredos. 
Escolho você pra dedicar meus sonhos, dedilhar meus sons, pra escrever um enredo onde passaremos a ser "nós".
E, principalmente, escolho você por saber que é meu coração que quer assim, por saber que será o melhor para mim. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Milhões de vezes

As coisas que nunca te disse

Eu amei te ver