Hora de desistir

Como um simples encontro, pode me fazer perder o tom. Perdi o timbre e isso ao meu ver, não é bom. Meu olhar disse tudo que eu não queria, minhas atitudes agiram por mim. Quando o conheci achei que sua missão era me fazer bem, que ficaria zen, entretanto aconteceu o contrário. Hoje, estou aos prantos, lembrando sua frieza, me tratou como um ninguém. Mesmo assim, não consegui te ignorar, meu coração agiu por ele mesmo. 
Esperava mais maturidade da sua parte, fui tão sincero, sempre falei tudo que mais quero. Você me provoca, dá corda, porém acaba me ignorando, machucando meus sentimentos, quando já estou envolvido. Não me arrependo, foi bom te conhecer, ter você em minha história, mesmo sendo um capítulo rápido. Você não foi apenas mais um, foi importante, com seu jeito estranho, que parece não saber o que quer, mas soube ser inesquecível. 
Diversas vezes fiquei admirando suas fotos, comentando, imaginando seu beijo e clamando por seu abraço. Mas cansei de ficar procurando, cansei de ligar, de estar disponível, de te deixar feliz com o que digo, de perceber como faz bem ao seu ego, eu gostar de você, enquanto me nega um simples beijo. Chega de nem ao menos ser uma opção em sua vida. Queria ser importante, ser seu ar, ser o seu amor, queria, quero e não nego. Entretanto, não é pra ser. Chega de ficar tentando em vão, não tenho mais tempo e paciência pra isso. É inútil ainda ter esperança, eu até poderia continuar tentando, afinal não é do meu feitio desistir dos objetivos, mas se tratando de ti, é melhor parar por aqui mesmo, pois estou deixando a chance de ser feliz de lado. Não nasceu pra mim, simples assim!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Sou de gêmeos

Está demorando eu te esquecer

Antes do fim